Segurança da informação: indispensável para seu consultório

shutterstock_125141210Quando se enumera as vantagens do prontuário eletrônico em relação ao modelo de papel, muito se fala sobre a praticidade e rapidez que os softwares oferecem. Estes são, de fato, ganhos visíveis, mas não podemos deixar de lado outra grande melhoria que o sistema eletrônico proporciona: a maior segurança da informação. Na era digital, este é um fator importantíssimo para se levar em conta.

Na área da saúde, garantir que os dados dos pacientes estejam seguros é aspecto fundamental. Confira a seguir quais são os ganhos que o prontuário eletrônico pode trazer para seu consultório em relação à segurança da informação!

A importância da confidencialidade

O sigilo dos dados em um prontuário tradicional, de papel, sempre foi uma questão bastante sensível. Por mais que se confie nos profissionais que manuseiam a pasta com o histórico do paciente (médicos, enfermeiros, técnicos, arquivistas, etc.), nunca se sabe onde ela pode parar e quem de fato terá acesso às informações. Quando o quadro do paciente envolve doenças graves ou embaraçosas, este problema é ainda mais sensível.

Os sistemas de prontuário eletrônico, por outro lado, garantem que o acesso aos dados só será realizado por aqueles que estiverem autorizados. Ou seja, apenas os profissionais de saúde envolvidos na linha de cuidados do paciente receberão a permissão do administrador para ter acesso a seu histórico, o que é sempre feito através de senha. Existem ainda, em muitos sistemas, níveis de hierarquia: assim, alguns profissionais poderão apenas ler o prontuário, enquanto outros serão autorizados a adicionar novas informações, por exemplo.

Integridade dos dados

Outro fator importantíssimo no prontuário eletrônico é o ganho de segurança na integridade dos dados. O prontuário de papel pode se perder, rasgar, molhar, ser roubado, pegar fogo… Dados eletrônicos não estão sujeitos a estes imprevistos, especialmente se a empresa fornecedora do software fizer constantes backups dos arquivos.

A perda de dados sobre o histórico dos pacientes compromete de modo irreversível a linha de cuidados, já que prejudica o desenrolar do tratamento. Perdendo informações sobre alergias, medicamentos utilizados que não funcionaram bem e anamneses, o profissional de saúde fica refém da memória do paciente leigo ou de sua própria memória. Se a linha de cuidados envolver outros profissionais da mesma unidade ou de outras unidades de saúde, ela ficará ainda mais comprometida.

Prontuário eletrônico: alternativa eficaz para a segurança

Os benefícios trazidos pelo prontuário eletrônico quando o assunto é a segurança da informação são extremamente significativos e incomparáveis ao modelo tradicional de papel. A melhoria na confidencialidade das informações e integridade dos dados são inegáveis. Com a sua utilização, todos as informações sobre o paciente estarão sempre disponíveis (em qualquer dispositivo eletrônico com acesso à Internet), garantindo uma maior precisão no diagnóstico. Como já enfatizamos, este conteúdo só poderá ser acessado por aqueles que forem autorizados, o que ainda garante o sigilo do histórico do paciente.

 

Ao eleger um sistema de prontuário eletrônico para sua clínica, assegure-se de que ele ofereça este rigoroso controle de acesso. Da mesma forma, garanta que a empresa tenha uma política de backup de dados, impedindo que informações importantes que podem influenciar no processo de cura não se percam por acidentes. Todo profissional da área sabe da grande importância de se promover a segurança da informação – garantindo-a, você protege seu paciente e  também aumenta a qualidade do seu trabalho.

Dr. Leonardo Alves
Siga-me

Dr. Leonardo Alves

Médico, Cardiologista, Estudioso de SUS e Informática médica.
CEO/Diretor da empresa MeuProntuário.net.
Dr. Leonardo Alves
Siga-me
Shares
Share This

Gostou? Compartilhe!

Compartilhe esse post com amigos!

Compartilhe!

Compartilhe esse post com amigos!

This is a demo store for testing purposes — no orders shall be fulfilled.